22 de jan de 2010






Reunião da Executiva da UEE-SP



A primeira reunião de 2010 da UEE-SP se deu na quinta-feira 15 de janeiro; os diretores da entidade reuniram-se para traçar metas para o ano que se inicia.
O debate foi intenso, pois o ano começou turbulento e cheio de novidades nada agradáveis para os estudantes.


O aumento abusivo de 17,4% da tarifa do transporte coletivo da maior cidade do país fez com que os diretores tomassem uma posição e saíssem em defesa da população, e principalmente dos estudantes; além de uma moção de repúdio, os diretores levarão ao conhecimento das autoridades políticas e tentarão reverter o quadro, já que o aumento aconteceu na calada da noite no mês mais difícil de mobilizar a juventude, pois normalmente no inicio do ano todas as universidades ainda estão em recesso e uma manifestação dificilmente teria um caráter organizado e de luta, mesmo com toda essa dificuldade a UEE-SP não ficará omissa a tal acontecimento. A entidade sempre se colocará ao lado da sociedade e irá cobrar de nossos representantes uma posição para esse aumento abusivo.


No desenrolar da reunião cada pasta deu sua contribuição para as ações de 2010; muitos assuntos foram abordados: Trote solidário; Coneg da UNE; CEE e a caravana do pré-sal, destes assuntos o que mais tomou tempo foi a caravana do pré-sal, pois sabemos  que o ano de 2009 foi um ano de marco histórico para o movimento estudantil de São Paulo, há aproximadamente 20 anos que uma PEC de caráter educacional não era levada a debate na Assembléia pelos estudantes, e hoje retomar esse debate é mostrar que a chama da juventude está acessa por uma educação de qualidade para o Estado e para o país.


A nova gestão da UEE-SP chega ao inicio de 2010 com muita esperança e certeza que irão desenvolver seu papel social, e fazer dos universitários de São Paulo agentes transformadores nas suas unidades de ensino superior.

Nenhum comentário:

Postar um comentário